Despesa com medicamentos cresceu 7,02% durante o mês de junho, de acordo com a Saúde

Dados do Ministério da Saúde enviou ontem para as regiões que recolhem despesa farmacêutica através de receita oficial do Sistema Nacional de Saúde totalizaram 910,456,841 euros no mês passado Este é um aumento de 7,02% em relação ao junho 2005

Assim, o crescimento da despesa anual é fixado em 4,64%, o que for Health mostra que "a tendência de moderação", que começou a apreciar após o decreto da redução do preço dos medicamentos e as medidas de uso racional e promoção de genéricos

Enquanto isso, o custo médio por receita aumentou 2,29% em relação ao mesmo mês do ano passado, semelhante ao desempenho meses anteriores, o que coloca o anual acumulada de 1,15% Além disso, o número de receitas faturadas ao Sistema Nacional de Saúde, no mesmo período (de um total de 67.040.951) aumentou 4,63%, com um crescimento de 3,45%

Os dados também mostram que o maior crescimento das despesas mensais foi registrado em Navarra, com 10,75%, ea menor em Baleares, com 2,63% Para o resto de autonomia nos gastos Andaluzia cresceu 6 , 94%; Aragon, 7,88%; em Asturias, 7,07%; em Cantabria, 6,99%; Castilla La Mancha, 7,62%; Castela e Leão, 4,91%; Catalunha, 4,84%; Ilhas Canárias, 7,24%; Extremadura, a 8,01%; na Galiza, 7,97%; em Madri, 8,52%; em Murcia, 9,58%; em Valência, 7,55%; no País Basco, 7,75%; e La Rioja 7,82% Quanto às cidades autónomas, o aumento foi de 14,04% em Ceuta e Melilla 5,25%

0

Comentários - 0

Sem comentários

Adicionar um comentário

smile smile smile smile smile smile smile smile
smile smile smile smile smile smile smile smile
smile smile smile smile smile smile smile smile
smile smile smile smile
Caracteres restantes: 3000
captcha